domingo, 1 de novembro de 2009

Abraço...



É,
com o infinito na palma das mãos,
e a eternidade nos  braços,
que te detenho
 neste ABRAÇO!
Serei  sempre o teu anjo.
Carrego o teu nome nos lábios,
cruzando o tempo e o espaço... 
@Margusta

17 comentários:

Maria disse...

És linda, sabias?
Também te deixo um abraço. Apertado. Muito.

heramariana disse...

Mult prea frumos,
pentru 1 nov. friguros...
Cu drag, te urmaresc.
PS.
Am traducator, iar!

Isamar disse...

És uma amiga daquelas que deixa uma marca tão impressiva que nunca será esquecida.O teu nome não sairá do nosso coração.

Bem-hajas, amiga linda!

Beijinhos mil

tulipa disse...

OLÁ Margusta

Inscrevi-me num concurso que desafiava os munícipes a participar numa colectânea intitulada “Poetas Nossos Munícipes”, publicada pela Câmara Municipal da Moita.
Esta edição resultou de um desafio lançado pela autarquia, no início do ano, a todos os munícipes com mais de 14 anos com gosto pela poesia, para apresentarem os seus poemas.
A "grande surpresa" foi um dos membros do júri, o escritor Alexandre Castanheira, ter escolhido um dos meus trabalhos para ler ali, publicamente, diante de um auditório com 150 pessoas.

No meu blog transcrevo esse poema seleccionado.
Convido-te a espreitar.
Espero que gostes.
Um abraço.

Rui Figueiredo Vieira disse...

Simples...de...simplesmente perfeito! Bj

Graça disse...

Abraço eterno... e bem poético!

Adorei a foto, também.

Beijo de carinho, Margusta.


[Posso levar uma das tuas pinturas lá para o meu palco??]

Graça disse...

Querida Margusta,

Que sejam breves os "dias cinzentos"... a claridade, o calor, a beleza dos nossos dias, têm, em muito, de ser pintados por nós. Matizar os sentimentos nessa tela-palco.

Vou levar-te para o meu palco. Obrigada. Tanto.

Beijo imenso de carinho.

Lídia Borges disse...

Maravilhoso este poema!

Que dizer, se basta sentir?

Um beijo

Vieira Calado disse...

Isso assim é que é amor!

Nunca as mãos lhe doam!

Bjs

amigona avó e a neta princesa disse...

E como é bom este abraço!

tulipa disse...

Olá Margusta

Vim agradecer-te o facto de te tornares "seguidora" do meu "Momentos Perfeitos" e aproveitei para espreitar mais uma vez o teu espaço na blogosfera.

ADMIRO MUITO OS TEUS BELOS TRABALHOS. Muitos Parabéns.

Sou uma apaixonada por fotografia. Este ano de 2009 já realizei 3 exposições e vou a caminho da 4ª exposição de fotografia, agora em Novembro, em que o tema é a Índia.

Tudo isto é magia, porque a magia pode estar apenas num sonho, num local, em nós ou nos outros… pode estar no amigo que nos cumprimenta, no abraço ou no enlace… no corpo ou na alma… nos olhos, no rir ou na lágrima… a magia é o que quisermos que ela seja…

Obrigado e que sejas feliz.
Um abraço.

O Profeta disse...

Não sei quem vence!
Não sei quem leva a melhor
Só sei que um sorriso teu
Fez desabrochar das pedra uma flor

Com ela teci um tapete
Engalanei a sombra dos teus passos
Escrevi um derradeiro pedido numa pétala
Rogando a infinita ternura dos teus abraços



Doce beijo

Graça disse...

Querida Margusta,

Vim deixar-te um beijo para a tua semana e agradecer-te teres estado comigo, no dia 7. Obrigada pelas tuas palavras.

Nilson Barcelli disse...

"a eternidade nos braços" pode ajudar a deter alguém...
Gostei do teu poema, é lindo.
Tu és destemida a entrar no mar... bela foto.
Bom resto de semana, beijos.

PS: as tuas gaivotas são mais bonitas que as minhas, mas não são tão habilidosas...

DE-PROPOSITO disse...

Serei sempre o teu anjo.
-----------
O facto de sermos o anjo de alguém, não significa que esse alguém nos aceite, como anjo.
----------
Fica bem.
E a felicidade por aí.
Manuel

Nilson Barcelli disse...

Continuas a pintar, em vez de escrever... presumo.
Querida amiga, bom fim de semana.
Beijos

heramariana disse...

AI O SURPRIZA PE BLOGUL MEU!
SI O SINCERA IMBRATISARE!